Vida, Previdência e AP

Mongeral Aegon lança duas novas proteções voltadas para sobrevivência com preços competitivos e contratação simplificada

 

 

Anualmente, a Previdência Social realiza o pagamento de R$ 23 bilhões em auxílio-doença. Mais da metade deste montante, R$ 13 bilhões, são pagos a pessoas que recebem o benefício há mais de dois anos. Os dados são do Ministério do Planejamento. Já o Instituto Nacional do Câncer estimou para o biênio 2016-2017 mais de 600 mil novos casos da doença. É neste cenário que a Mongeral Aegon lança, nesta semana, duas proteções voltadas para o diagnóstico de doenças graves e de incapacidade temporária.

O novo seguro Doenças Graves, desenvolvido pela seguradora, apresenta um amplo rol de doenças e casos cobertos, como: Alzheimer, acidente vascular cerebral, câncer, infarto agudo do miocárdio, perda da audição, visão ou fala, transplante, paralisia e insuficiência renal crônica.

“Outro diferencial deste produto da Mongeral Aegon em relação ao mercado é que a cobertura pode ser contratada separadamente. Mais uma grande vantagem é que o cliente pode ter acesso a capitais segurados de até R$ 1 milhão, sendo que planos de até R$ 700 mil podem ser feitos apenas com a tele-entrevista, tornando a contratação rápida e simplificada”, explica o superintendente de Marketing, Leonardo Lourenço.

Saiba quais são os 11 diagnósticos cobertos

O novo Doenças Graves dá cobertura à sobrevivência de 30 dias ao diagnóstico de: mal de Alzheimer, acidente vascular cerebral (AVC), bypass, câncer, infarto do miocárdio, insuficiência renal crônica, perda de visão/audição ou fala, paralisia e transplante (coração, fígado, medula, pâncreas, pulmão ou rim).

Afastamento do trabalho

Outro lançamento da Mongeral Aegon é o novo seguro Diária de Incapacidade Temporária (DIT), que protege a renda do segurado em caso de um afastamento superior a 10 dias da sua função laborativa. Neste novo plano, a companhia realizou uma segmentação de acordo com a sua experiência neste tipo de cobertura.

“A novidade que trazemos é definir o preço por atividade do cliente, o que nos permite cobrar um preço mais justo e competitivo em relação ao mercado. Também mantemos nesta nova solução, além da diária de incapacidade temporária, as coberturas de morte acidental e invalidez por acidente”, completa o superintendente.

Em ambas as coberturas – Doenças Graves e Diária de Incapacidade Temporária – a Mongeral Aegon permite que os segurados definam a periodicidade de pagamento: mensal, trimestral, semestral e anual.

Benefícios

Apenas no ano de 2016, a Mongeral Aegon realizou o pagamento de R$ 57 milhões em benefícios referentes à cobertura de Diária de Incapacidade Temporária. Já por Doenças Graves, o montante pago pela seguradora no ano passado foi de R$ 2,7 milhões.

Comentários

Newsletter



Facebook

Instagram

Twitter

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Executivos da SulAmérica comentam sobre venda das carteiras de auto e ramos elementares para Allianz - t.co/hEp58QEgz2

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Allianz assinou hoje acordo de aquisição das operações de seguros de Automóveis e Ramos Elementares da SulAmérica.- t.co/RPiZ52PoiV

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Classic Vida e Previdência fecha parceria com a TEM Saúde - t.co/WGoxXwgxuw

To Top