Redação

Diretoria do Sincor-SP é reeleita por aclamação

 

Cerimônia de posse contou com executivos de seguradoras e diversas entidades do país

Por Tany Souza

Diretoria do Sincor-SP

Durante a noite desta segunda-feira, 28, aconteceu a posse da diretoria do Sincor-SP, reeleita por aclamação, para os anos de 2018 a 2021, no Mosteiro de São Bento, no centro de São Paulo. Os representantes das entidades de São Paulo e do Brasil marcaram presença e completaram a mesa de cerimônia com o Superintendente da Susep, Joaquim Mendanha; o presidente da Fenacor, Armando Vergílio; o vice-presidente da CNseg, Gabriel Portella; o presidente do SindSeg-SP, Mauro Batista; e o presidente da Escola Nacional de Seguros, Robert Bittar.

O primeiro líder que discursou foi Mauro Batista, presidente do SindSeg-SP, e ressaltou a forte liderança de Alexandre Camillo à frente do Sincor-SP. “Penso que o setor de seguros brasileiro tem passado nos últimos anos por uma provação de ser criativo, de exercer cidadania, de cumprir compromisso. E o Sincor-SP não tem feito outra coisa a não ser se comprometer com o mercado de seguros”.

Já o vice-presidente da CNseg, Gabriel Portella, destacou que há três anos o novo presidente foi uma grande aposta para a entidade. “E agora o que é visto é um sindicato fortalecido no interior e na capital, com propostas positivas ajudando o setor a crescer. O Sincor-SP é forte, uma das maiores riquezas do país, e vocês estão aproveitando essa oportunidade. Parabéns pelo que fizeram nos últimos três anos e desejo ainda mais sucesso”.

Armando Vergílio, presidente da Fenacor, lembrou das outras eleições dizendo que somente com Leoncio de Arruda houve reeleição por aclamação. “E isso é um feito, até agora não tinha acontecido novamente. Ninguém é reeleito impunemente, mas com muita responsabilidade. São os corretores de seguros que colaboram para o mercado de seguros brasileiros e que continuarão por muito tempo”. Ele também reconheceu as ações de todos os presidentes em suas instituições, reforçando que todos andam juntos para a melhoria de todo o setor.

Robert Bittar, presidente da Escola Nacional de Seguros, ressaltou os desafios vividos por quem é líder de uma entidade, em especial o Sincor-SP. “Há momentos difíceis e desafios que foram impostos e você (Alexander Camillo) venceu todos. Aceitou um novo desafio da nova gestão, isso mostra como você assume responsabilidade. O espírito de coletividade o permeia sempre e assim o faz assumir desafios de um grupo de pessoas que dependem da sua liderança”.

O superintendente da Susep, Joaquim Mendanha, destacou a importância da reeleição. “Viver essa reeleição não é fácil, isso é resultado do seu trabalho e de toda a sua equipe. Que nestes próximos quatro anos você continue tendo esse sucesso”. Ele reiterou o seu compromisso de fomentar a importância do corretor de seguros. “Temos uma responsabilidade muito grande e a Susep não fugirá. Quando falamos em fomentar, falamos de defesa dos consumidores e com isso a importância do corretor de seguros”.

O discurso do presidente do Sincor-SP

Em seu discurso, o presidente do Sincor-SP, Alexandre Camillo, evidenciou a superação das dificuldades atuais do país pelo  mercado de seguros. “Não há paralisação que segure o mercado de seguros”, enfatizou ele que foi aplaudido por uma plateia de mais de 200 pessoas.

Depois de quebrar o protocolo, Camillo chamou os executivos João Francisco Borges da Costa, presidente da FenSeg, e Jayme Garfinkel, presidente do Conselho da Porto Seguro. “Na minha escalada eu sempre disse que queria começar com muitos amigos e ter ainda mais amigos no final”.

O presidente do Sincor-SP também disse que aprendeu nestes anos que a eleição não é solitária, mas solidária. “Digo que estar à frente desse sindicato é muito honroso, mas há muitas exigências, dedicação, mas uma honrosa missão”. Ele aproveitou e explicou a questão que é ser reeleito por aclamação, que para alguns é uma questão confusa, segundo ele. “Um processo de aclamação parece facilitado por uma liderança consolidada, mas na verdade é porque nós nos comportamos como se tivéssemos que ser eleitos diariamente, com pré-disposição de muito trabalho. Na verdade, o processo de aclamação só é possível trabalhando dia após dia, para fazer com que o que foi proposto se torne realizações e entregas”. E completou: “sabemos que mesmo por aclamação não somos unanimidade e, por isso, aceitamos opiniões, e isso faz com que entreguemos ainda mais”.

No evento estiveram presentes todos os presidentes das principais seguradoras que atuam no país, além de representantes das principais entidades do mercado segurador.

Alexandre Camillo foi empossado para o segundo mandato como presidente do SINCOR-SPA cerimônia de posse da diretoria aconteceu ontem, no Mosteiro de São Bento.#sincorsp #corretoresdeseguros

Posted by Revista Cobertura on Tuesday, May 29, 2018

Comentários

Newsletter



Facebook

Instagram

Twitter

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Antonio Pedrotti é destaque na Academia Francesa de Artes, Letras e Cultura - t.co/IjBBnGFmea

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Outubro Rosa: seguradoras oferecem apólices com cobertura específica para mulheres - t.co/0eb6iMmhKk

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Seguradoras que transformam seus negócios e modelos operacionais podem obter US$ 375 bilhões em novas receitas - t.co/nlo3CuGeXD

To Top