Seguros Gerais

Prêmio de Inovação em Seguros da CNseg recebe inscrições até 28 de setembro

 

A Confederação das Seguradoras (CNseg) informa que as inscrições para a 8ª edição do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros podem ser realizadas, gratuitamente, até o próximo dia 28 de setembro, pelo site: www.premioseguro.com.br.

Os interessados poderão inscrever projetos em três categorias – Produtos e Serviços; Processos e Tecnologia; e Comunicação. Quinze trabalhos serão classificados para a etapa final do Prêmio – cinco em cada categoria –, que serão divulgados em 16 de novembro. Na sequência, de 27 a 29 de novembro, os autores finalistas farão a defesa oral dos projetos à comissão julgadora. Serão oferecidos aos vencedores prêmios em solenidade a ser realizada em 19 de dezembro, no Copacabana Palace Hotel.

Alguns passos devem ser observados pelos participantes do concurso da CNseg para ter o projeto mais bem-avaliado pelos jurados. O mais importante deles é a estrutura indicada na apresentação do projeto, que deve conter entre 9 e 14 páginas e ser dividido em três seções: elementos pré-textuais, plano de negócios e anexos. Outra dica é oferecer um tema de real interesse do setor de seguros, com alto potencial de inovação e relevância para o modelo de negócio.

O Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros

O Prêmio, criado em 2011 pela CNseg, está em sua oitava edição e avalia a inovação dos projetos, sua relevância para o negócio e implantação, entre outras métricas. Todos os anos, a iniciativa reúne cases alinhados com o que há de mais avançado nas práticas das seguradoras e dos demais players que valorizam o potencial empreendedor de seus colaboradores e, em última instância, beneficiam os consumidores. Desde o lançamento, o Prêmio já reuniu mais de 450 projetos. Na edição de 2017 foram inscritos 89 projetos inovadores, envolvendo 255 profissionais do mercado.

A escolha do nome do empresário Antonio Carlos de Almeida Braga tem a ver com seu espírito inovador e visionário do mercado segurador do País. Além de investir em novas modalidades de seguros, ele aperfeiçoou o atendimento ao cliente, incentivou a capacitação por meio da contratação de profissionais de áreas distintas e foi o primeiro a distribuir produtos de seguros por meio da rede bancária.

Comentários

Newsletter



Facebook

Instagram

Twitter

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Corretores de seguros podem contar com plataforma da Quiver - t.co/0eKzTx4UfR

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Os preços dos seguros dos carros mais vendidos em novembro - t.co/MTRVeOGjtS

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

State Farm testa solução Blockchain para acelerar sinistros de seguros de automóveis - t.co/AL608NtBPp

To Top