Redação

Fundación Mapfre apresenta estudo sobre o impacto do excesso de velocidade no trânsito

 

Levantamento revela a velocidade dos veículos próximos aos usuários vulneráveis

Por Tany Souza

A Fundación Mapfre ontem, apresentou ontem, 13 de novembro, os resultados de um estudo realizado na cidade de São Paulo em relação ao impacto do excesso de velocidade em locais com circulação de usuários vulneráveis, como zonas escolares e parques.

Fátima Lima, diretora de Sustentabilidade da Mapfre, explica que a fundação realiza no país atividades focadas em educação. “E neste estudo focamos na prevenção e segurança viária, com o objetivo de conscientizar a população, começando com a educação preventiva para crianças”.

Jesus Monclús, diretor de Prevenção e Segurança Viária da Fundación MAPFRE Espanha, explicou alguns itens do estudo. “Fizemos esse levantamento com sistema de medição confiável e profissional, que permite verificar as velocidades dos veículos com precisão. Quanto menor a velocidade, menor o tempo de frenagem. Se for em 20 km/h, o rico de morte é de 2%, por exemplo”.

Segundo ele, o levantamento mostra que 10% dos veículos observados ultrapassaram as velocidades permitidas. “Com limite de 30 km/h, 41,5% ultrapassaram as velocidades. As motocicletas são as que mais transgridem, com 33,5% dos veículos. Como são menores e andam entre dois carros, têm maior risco de se envolver em acidentes”.

O estudo conclui que um em cada dez condutores dirige em excesso de velocidade nas áreas observadas. Além disso, nas vias de 30 km/h, 41,5% circulam com velocidade excessiva, a maior proporção encontrada. Cerca de 1,5% dos veículos excede a velocidade em mais de 20 km/h, 10% em mais de 13 km/h e 1,5% em mais de 20 km/h.

A importância para a cidade

Entre os convidados, estava também o secretário municipal de mobilidade e transportes, João Octaviano Machado Neto, que falou da importância de ações como essa para a cidade de São Paulo.  “Estamos no meio de uma agenda importante, com 32 audiências públicas discutindo o plano de segurança viária com a população. Precisamos de fato repensar na matriz de modalidade de São Paulo”.

Segundo ele, as motocicletas são um grande desafio para a cidade, pois há um milhão de motocicletas, sendo que 100 mil novas motos são licenciadas por ano. “Por isso criamos a câmara temática da motocicleta no Comitê de Transportes da cidade, para discutir com os representantes dos motociclistas uma política específica, já que a maior incidência de fatalidade é com aquele que mudou de modo de se transportar, que deixou de usar carro ou ônibus, e comprou uma moto, mas não é habilitado para tal, o que oferecemos como curso gratuito aos motociclistas, para que possam aumentar sua modalidade”.

João Octaviano disse também que há outros projetos, como o Plano Cicloviário e a Garagem Educadora. “Onde os motoristas de ônibus passarão por uma reciclagem, para ter uma redução na questão de acidentes. Hoje temos frota de 15 mil ônibus, com 9,5 milhões de viagens por dia, o que faz que tenhamos um sistema denso”.

Porém, o secretário reforça que é um trabalho de todos. “Todos precisam entender que o compartilhamento do espaço viário é uma questão de cidadania e essa consciência deve ser estabelecida. Contamos com toda a sociedade para que haja multiplicação desta consciência. Então saúdo o trabalho da Mapfre e faremos o possível para tornar a cidade cada vez mais segura”.

Na manhã desta terça-feira (13), a @fundacaomapfre apresentou o estudo realizado na cidade de São Paulo sobre o impacto do excesso de velocidade em locais com circulação de usuários vulneráveis. Jesus Monclús, diretor de prevenção e segurança viária da Fundación Mapfre Espanha falou sobre o assunto, confira:

Posted by Revista Cobertura on Tuesday, November 13, 2018

Comentários

Newsletter



Facebook

Instagram

Twitter

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

15 franquias a partir de R$ 300 para começar um negócio em 2019 - t.co/PENRfdMs0E

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Sayuri é a nova assistente virtual que chega para incrementar atendimento da Sompo Seguros - t.co/Dy6L7UPGgK

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Exclusivo – Negócios promissores para 2019, na visão do presidente da Porto Seguro - t.co/KBpvx21vRA

To Top