Notícias da Revista da Aconseg-SP

SulAmérica avança com inovações no saúde

 

PME é um nicho de oportunidades para os corretores e as assessorias

A SulAmérica tem investido fortemente na carteira de saúde e, principalmente, em inovações que beneficiam os corretores de seguros e seus clientes. A companhia tem 7 milhões de clientes no total e, dentre eles, 3,9 milhões são segurados de Saúde e Odonto. Nessa entrevista à Revista Aconseg-SP, André Lauzana, vice-presidente Comercial e de Marketing, conta as novidades e o relacionamento cada vez mais próximo com os corretores.

Revista da Aconseg-SP: Quais foram as últimas inovações na carteira de saúde?

André Lauzana: Nós aceleramos o lançamento de projetos muito inovadores para apoiar nossos mais de 2 milhões de beneficiários de seguro saúde, incluindo nossos colaboradores, neste momento de pandemia. Um exemplo é o Médico na Tela, serviço disponível no aplicativo SulAmérica Saúde que já oferecia teleorientação médica e que, agora, com a regulamentação da telemedicina, passou a permitir a teleconsulta completa, com possibilidade de prescrição de medicamentos, exames e atestados.

RA: Como está a procura pelo Médico na Tela?

AL: Ela aumentou mais de 15 vezes nesse período, com um índice de resolutividade de quase 90%, ou seja, apenas uma em cada 10 pessoas não teve sua situação ou dúvida solucionada via telessaúde. Isso tem feito uma enorme diferença para nossos clientes e certamente será um legado da pandemia. Já o Psicólogo na Tela, focado em sessões de psicoterapia a distância, foi ampliado para toda a carteira de seguro saúde e, desde maio, também para menores de 18 anos.

RA: E a plataforma Saúde na Tela ganhou reforço?

AL: Exatamente, reforçamos a plataforma, que inclui todos esses serviços de telessaúde, com médicos de mais de 30 especialidades e outros profissionais de saúde, como nutricionistas e fonoaudiólogos. Tudo isso com acesso ilimitado durante a pandemia. Estamos colocando na palma da mão de beneficiários de todo o país o acesso a profissionais de saúde de excelência, com agilidade, conveniência, ética e segurança, ajudando a preservar o isolamento social.

A jornada de coordenação do cuidado dos beneficiários também foi reforçada com novos serviços como triagem por aplicativo e por WhatsApp para suspeitas de covid-19, além de uma central telefônica exclusiva, que registrou mais de 25 mil ligações desde o início da pandemia. Outro trabalho importante que temos feito é acompanhar de perto e de forma proativa nossos beneficiários com mais de 60 anos. Cerca de 58 mil pessoas receberam ligações da SulAmérica para triagem de sintomas e orientações de prevenção.

RA: Qual é o principal segmento da carteira?

AL: O PME é uma modalidade muito importante para nós e é um nicho de oportunidades para os corretores e as assessorias. Destaque para a família SulAmérica Direto, que traz planos de saúde regionalizados para empresas a partir de três vidas, entre titulares e dependentes, e já está disponível no Rio de Janeiro, em Curitiba, em Campinas e em São Paulo.

Na cidade de São Paulo e região metropolitana, temos desde o ano passado o Direto Sampa Branco, em parceria com Dr. Consulta e Hospital Oswaldo Cruz Vergueiro. Em junho, lançamos o Direto Sampa Azul, mais uma opção de atendimento para cuidar da saúde dos paulistanos, em parceria com a Rede D’Or São Luiz e ampla rede complementar. Essa solução de ter mais de uma possibilidade do Direto na mesma região é uma oportunidade para os corretores de seguros gerarem mais negócios, oferecendo um portfólio variado para seus clientes.

RA: Qual é a participação do saúde nos resultados da companhia?

AL: Em 2019, a operação de saúde e odonto representou 77,5% das receitas da companhia. No primeiro trimestre de 2020, as receitas operacionais do segmento alcançaram R$ 4,6 bilhões, um aumento de 9,1% em relação ao mesmo período do ano anterior.

RA: Quais são as principais ferramentas disponíveis para os corretores comercializarem o produto?

AL: Nosso relacionamento com o corretor também segue forte e ainda mais próximo, com muita comunicação e utilização de tecnologia. Uma das nossas preocupações era manter as operações funcionando, mas em um formato diferente e sem perder a proximidade. Para apoiar os corretores neste momento, preparamos um hotsite exclusivo, no qual incluímos todas as informações necessárias, com passo a passo, para que pudessem continuar a emitir apólices e atender as necessidades de seus clientes.

Nosso time comercial também realizou mais de 22 mil visitas on-line estruturadas a corretores, chegando a bater mil visitas em um único dia. O Portal do Corretor, reformulado no fim do ano passado, também segue uma ferramenta importante de apoio aos negócios do parceiro.

RA: E as campanhas?

AL: Seguimos, ainda, com campanhas de incentivo, como Grana Extra, Meu Primeiro PME e PRA Corretor. A campanha Meu Primeiro PME segue até 31 de agosto, com um bom incentivo para cadastro de propostas de Saúde PME, premiação extra para propostas de Odonto PME e adicional de 50% na tabela para propostas de SulAmérica Direto. Continuamos fomentando os negócios e acredito que nossa estratégia tem sido acertada: a campanha Meu Primeiro PME, por exemplo, gerou a implantação de 1.432 vidas entre março e abril.

Teremos também o Programa de Reconhecimento ao Corretor, o PRA 2020, que nesta décima edição premiará os parceiros com melhor desempenho com uma viagem nacional para um resort paradisíaco e uma internacional para Doha, capital do Catar e palco da próxima Copa do Mundo.

RA: E para os que comercializarem mais de uma linha de negócio?

AL: Incentivando a estratégia de diversificação de carteira, a SulAmérica manterá uma pontuação adicional para os corretores que comercializarem produtos de mais de uma linha de negócio. Também haverá pontuação adicional para comercialização do SulAmérica Direto.

RA: Quais dicas podemos dar para os corretores potencializarem essa carteira?

AL: Sempre digo que o corretor tem um papel primordial para a sociedade, porque atua como um consultor para a proteção das pessoas. Essa missão ganha ainda mais relevância agora, na pandemia, e acho que uma boa estratégia para o consultor é investir ainda mais em relacionamento com o cliente, mantendo-se próximo, repassando orientações confiáveis e ajudando essas pessoas com soluções de cuidado e proteção.

RA: Quais têm sido as recomendações para as assessorias diversificarem mais as suas carteiras?

AL: Os corretores e as assessorias têm no portfólio da SulAmérica uma oferta completa de proteção para os clientes, com qualidade e conveniência, incluindo, além dos planos de saúde e odontológicos, produtos de vida, previdência e investimentos, e a diversificação de portfólio é algo que a SulAmérica trabalha com o corretor faz bastante tempo.

Sempre sugerimos que os parceiros busquem oportunidades para apresentar uma oferta ainda mais completa e customizada para proteção dos clientes por meio de nosso amplo portfólio com produtos de saúde, odonto, vida, previdência e investimentos. Para apoiar nesse sentido, temos um programa de capacitação on-line no qual já treinamos quase 10 mil corretores.

Separação de Auto e Massificados

No 4º episódio do ConTaTudo SulAmérica, Eduardo Dal Ri, head da SulAmérica Auto e Massificados, falou sobre a separação completa das operações de Auto e Massificados. A live conduzida por Boris Ber teve também a participação de André Lauzana.

“Já somos uma empresa separada da SulAmérica, a Auto e Massificados, ainda sob a gestão da SulAmérica. A Allianz não comprou uma carteira, mas sim uma empresa. A área comercial passará por algumas mudanças, mas o jeito SulAmérica de fazer não mudou nada. As transmissões, os cálculos e as comissões continuam intactos, e tudo o que o corretor encontrava na SulAmérica em produto e atendimento”, disse Dal Ri.

Desde janeiro, a companhia vem trabalhando na montagem dos times comercial. “São dois times muito bem preparados e extremamente capacitados para atenderem todos os nossos parceiros, corretores e assessorias. Além de profissionais alocados, recrutamos mais de 100 profissionais para apoiar as duas equipes comerciais”, comentou Lauzana.

Os corretores e clientes já estão sendo comunicados sobre as mudanças no site institucional, no Portal do Corretor e de todos os telefones de contato para a SulAmérica Auto e Massificados. Na separação das operações, o C.A.S.A terá novos endereços tanto para a SulAmérica, como para a SulAmérica Auto e Massificados, que serão anunciados futuramente.

Conteúdo da edição de abril/maio/junho (número 50) da Aconseg-SP

Comentários

Newsletter



Facebook

Instagram

Twitter

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

“O seguro de Vida Individual é a bola da vez”, afirmou Molina - t.co/kkkAErhkpl

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Allianz aposta na simplicidade e na sofisticação dos produtos - t.co/yc3n1UCfBq

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Backoffice para o corretor vender mais - t.co/QSPfvdiSiK

To Top