Seguros Gerais

CCS-RJ debate iniciativas da Mapfre para estreitar relação com corretores

 

Nova edição da LIVE CONNECTION contou com bate papo transparente sobre o que a companhia tem para oferecer à categoria, bem como pontos de aperfeiçoamento

A LIVE CONNECTION desta quarta-feira, dia 29 de julho, contou com a participação de dois executivos da Mapfre. Na transmissão, promovida pelo Clube dos Corretores de Seguros do Rio de Janeiro (CCS-RJ) e pela Educa Seguros, o presidente da entidade, Fabio Izoton, deu as boas vindas aos executivos Elson Azevedo, Diretor Territorial RJ/ES, e Hamilton Sobrinho, Diretor Comercial Canal Corretor.

Ele iniciou o debate com uma pergunta sobre o que a seguradora vem fazendo, em termos de apoio ao corretor de seguros, para esse momento de retomada parcial em meio à pandemia. “Precisamos, cada vez mais, nós como entidade e vocês como companhia, ajudar o corretor a vender mais: isso é essencial, e 99% do que fazemos no Clube é com esse objetivo, seja para auxiliar na venda para novos clientes, seja para os mesmos clientes com novos produtos”, destacou.

Hamilton Sobrinho concordou. “Temos a responsabilidade de ajudar o corretor a acompanhar esse cenário, que muda muito rápido. Dentro da MAPFRE, criamos o canal corretor justamente para isso, dar atenção a essa distribuição, que corresponde a 80% da produção nacional do mercado de seguros, incluindo desde corretores pequenos até os grandes, e atendendo bem a cada diferenciação, em todas as nossas linhas de produtos. A ideia é inserir o corretor cada vez mais no nosso dia a dia”, garantiu o diretor.

O diretor do CCS-RJ Luiz Mario Rutowitsch deu continuidade ao bate papo, levantando uma questão comum entre os corretores: como tornar a Mapfre mais acessível para esses profissionais, no que diz respeito à relação comercial? “O tamanho e a credibilidade da companhia é inegável, e o seu leque de produtos é enorme. Aproveito para parabenizar a seguradora por ter decidido indenizar famílias que perdem um ente querido durante a pandemia, o que é muito importante”, acrescentou.

Falando mais especificamente sobre o Rio, segundo maior do país em termos de prêmios, Elson Azevedo contou que pretende explorar bastante a diversificação das carteiras. “Algo que nos deixa tranquilos para trabalhar é o nosso portfólio muito amplo. O que vamos propor nesse novo trabalho é mostrar o potencial de negócios da companhia e tudo o que podemos agregar na operação. Nos preparamos para isso com investimentos fortes em vários produtos que ainda não estão no dia a dia de muitos corretores, como Previdência, Consórcio, Capitalização”, exemplificou.

Diversos outros temas de interesse dos corretores foram ainda abordados na live, que está disponível no canal do CCS-RJ no YouTube, por meio do link: https://www.youtube.com/watch?v=8oiwu0MUJ9c.

Comentários

Newsletter



Facebook

Twitter

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Nasce em Brasília uma nova assessoria em seguros - t.co/R0o5Opjkd0

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Estamos ao vivo no YouTube com Sérgio Magalhães, sócio da TASS Brasil, num bate-papo sobre o modelo de negócios e a… t.co/k2oxkipSMT

Revista Cobertura's Twitter avatar
Revista Cobertura
@RevCobertura

Confiança do consumidor aumenta, mas é preciso cautela - t.co/rwEpvbxb0H

To Top